Skip to content

Blefaroplastia

Blefaroplastia

O nariz ocupa lugar de destaque na harmonização das estruturas faciais. Cabe a ele importante papel na respiração e no olfato. A rinoplastia é um procedimento cirúrgico que pode envolver estética e também a função nasal (por exemplo, correção de desvios de septo e hipertrofia de cornetos).

A cirurgia permite modificar o tamanho do nariz, alterar a forma da ponta e do dorso, corrigir sequelas de traumas, melhorar a função respiratória, diminuir as narinas, modificar a relação entre nariz e lábio superior e melhorar a forma de um nariz já operado previamente.

 O objetivo da rinoplastia é a obter de um nariz belo e funcional, preservando a harmonia facial. Essa cirurgia pode ser realizada a partir dos 16-17 anos de idade, dependendo do desenvolvimento das estruturas faciais e das alterações apresentadas.

É comum pacientes que recorrem à rinoplastia desejarem um contorno nasal semelhante ao de pessoa famosa devido à ação da mídia na padronização da beleza. No entanto, o cirurgião plástico deverá buscar o contorno que seja mais harmônico com os traços da face de cada paciente para que haja equilíbrio estético.

O resultado definitivo da rinoplastia será alcançado a partir do sexto mês pós-operatório.

As contraindicações dessa cirurgia são com suspeita de gripe, mal estar ou algum tipo de infecção, uso de anticoagulante como ácido acetilsalicílico (AAS), que deve ser suspenso pelo menos 7 dias antes da cirurgia. Se for tabagista cessar o consumo de cigarros duas semanas antes da cirurgia e duas semanas após, não ingerir bebida alcoólica próximo à data da cirurgia.

As complicações são ruptura de pequenos vasos no nariz, assimetria, sangramento (hematoma), infecção, intercorrências referentes à anestesia, alterações de sensibilidade na pele, despigmentação da pele e/ou inchaço prolongado, alterações na via aérea nasal, perfuração do septo nasal (um orifício no septo nasal).

No pós operatório o paciente poderá realizar a maior parte de suas atividades cotidianas, sendo edema (inchaço) e equimoses (roxos) comuns e tendem a melhorar no período de até duas semanas. O aspecto final da cirurgia geralmente é obtido em um período de 6 meses a 1 ano.

Geralmente realizada sob anestesia geral. Podendo também ser realizada sob anestesia local e sedação.

Tempo de internação: após bem acordado paciente recebe alta no mesmo dia.

Blefaroplastia
Back to top