Skip to content

Ritidoplastia

O envelhecimento facial possui vários componentes: alteração na qualidade e quantidade de pele, redistribuição e atrofia do tecido gorduroso da face, o descenso geral das estruturas faciais, ação da musculatura facial e remodelamento ósseo.

Atualmente a Cirurgia Plástica possui um vasto armamentário para retardar ou mesmo reverter estas características, como os peelings, aplicações de toxina botulínica, preenchimentos faciais e cirurgias. Cada tratamento tem sua indicação específica, cabendo ao cirurgião plástico decidir quais são os tratamentos mais adequados para cada paciente e o tempo certo para aplicá-los.

A Ritidoplastia ou Lifting Facial é o principal recurso disponível na Cirurgia Plástica para o tratamento do envelhecimento facial. A cirurgia completa trata a região periorbitária (na região dos olhos e sobrancelhas), a região cervical e o chamado terço médio.

O envelhecimento da região periorbitária se dá principalmente pela ação da gravidade e da musculatura periorbitária. A conjunção destes dois fatores gera com o passar dos anos uma alteração na expressão facial, que pode resultar em um olhar “triste”, “bravo” e/ou “cansado”. O tratamento desta região visa corrigir estas características devolvendo um ar descansado” e eliminando a “dureza do olhar” causado pelo envelhecimento. Como consequência deste tipo de tratamento, obtemos um olhar rejuvenescido, muito importante para a naturalidade do resultado final da cirurgia.

A região cervical, com o envelhecimento, pode vir a apresentar a chamada “papada”, que nada mais é que o excesso de pele e gordura na região do pescoço, além das chamadas bandas platismais, que são aqueles “cordões” que notamos nos indivíduos mais idosos. Durante a ritidoplastia, esta região é tratada, com remoção dos tecidos em excesso e com a fixação do músculo platisma para a eliminação destes cordões cervicais. Este tratamento devolve o perfil jovial do pescoço.

O terço médio facial sofre um descenso com o passar dos anos, acentuando o sulco nasogeniano (bigode chinês) e a perda do contorno mandibular com acúmulo de tecidos nesta região (buldogue). Esta região é tratada com o reposicionamento dos tecidos da face em um vetor contrário à ação da gravidade.

A cirurgia da face quando bem indicada e realizada no tempo correto traz excelentes resultados, um aspecto natural e uma grande satisfação por parte dos pacientes.

Back to top